Eumir Deodato

Eumir Deodato (Rio de Janeiro22 de junho de 1943) é um produtor musicalarranjador brasileiro.

Embora seja predominantemente ligado ao jazz, Deodato é também conhecido por seu ecletismo, e mistura de diversos gêneros musicais, como o rock, o pop, o rhythm and blues, o funk e a música de orquestra. Seu sucesso como artista começou nos anos 1970, e como produtor trabalhou em mais de 500 discos para diversos artistas e bandas. Como arranjador, tem parcerias com Frank SinatraVinícius de Moraes, dentre outros. Um de seus mais conhecidos trabalhos é a sua versão do tema de Assim Falava Zaratustra de Richard Strauss. A versão de Deodato foi utilizada no cinema, no filme Muito Além do Jardim (Being There, 1979), dirigido por Hal Ashby, com Peter Sellers.

Deodato participou do movimento da bossa nova nos anos 1960, porém mudou-se para os Estados Unidos da América, onde ficou radicado. Seu trabalho encontrou grande repercussão e ressonância principalmente fora de sua terra natal.

Nascido no Brasil, Eumir Deodato somou 16 discos de platina em sua carreira de artista, arranjador e produtor, com vendas de mais de 25 milhões de discos somente nos EUA. Sua discografia, incluindo as compilações e seu trabalho como arranjador, produtor e tecladista, ultrapassa 450 álbuns. Também teve a honra de tocar com a St. Louis Symphony, que o acompanhou em seu soberbo álbum “Artistry”, a Cincinnati Symphony, a New York Philharmonic, e a Orchestra di Musica Leggera dell’Unione Musicisti di Roma. Além disso, vários artistas ao longo dos anos têm interpretado suas canções, incluindo George Benson, Lee Ritenour, Sarah Vaughan e The Emotions, para mencionar apenas alguns.

A obra desse multi-talentoso instrumentista provavelmente estará associada para sempre à sua reedição inovadora da obra clássica de Richard Strauss “Also Sprach Zarathustra”, mais comumente conhecida como o tema do filme “2001: Uma Odisséia no Espaço”. A música apareceu pela primeira vez em seu álbum de estréia “Prelude”, de 1973, para a gravadora CTI, que vendeu pelo menos cinco milhões de cópias. Por esse álbum, Deodato ganhou seu primeiro Grammy, e o levou ao estrelato internacional, estabelecendo um rumo para sua notável carreira. Trinta anos depois, a mesma música entrou no repertório da banda jam Phish, uma prova da duradoura influência de Deodato.

Nascido no Rio de Janeiro, Brasil, de origem italiana e portuguesa, Eumir Deodato começou sua carreira tocando acordeão aos 12 anos. Pouco tempo depois, começou a estudar piano, bem como orquestração, arranjo e regência. Estritamente autodidata, mergulhou nos livros de teoria enquanto gastava incontáveis noites sentado atrás de orquestras, observando cuidadosamente como cada parte era tocada. Sua primeira chance veio aos 17 anos, quando organizou e conduziu sua primeira sessão de gravação de uma orquestra com 28 integrantes. Não demorou muito para que Deodato se tornasse um dos ativos e respeitados arranjadores e pianistas no movimentado cenário musical do Rio de Janeiro, gravando para artistas como Milton Nascimento, Marcos Valle, Elis Regina e Antonio Carlos Jobim.

Em 1968, Deodato mudou-se para New York e começou a trabalhar com Luiz Bonfá, o lendário compositor de Orfeu Negro, além de fazer extenso trabalho de estúdio para Astrud Gilberto, Walter Wanderley, Antonio Carlos Jobim, Marcos Valle e muitos outros artistas brasileiros que viviam na “Big Apple” naquela época. Ao escrever os arranjos para Astrud Gilberto em “Beach Samba”, familiarizou-se com o produtor Creed Taylor, que o contratou para ser arranjador da CTI para outros artistas como Wes Montgomery, Stanley Turrentine, George Benson, Paul Desmond e Tom Jobim. Sua reputação nos campos da música pop e black foi reforçada por seu trabalho como arranjador para Frank Sinatra (Sinatra & Co.), Roberta Flack (Killing Me Softly, Chapter Two, Quiet Fire) e Aretha Franklin (Let Me In Your Life).

Após uma apresentação no Hollywood Bowl, com a CTI All-Stars Band, em 1972, Deodato começou a fazer a gravação do seu próprio disco. Sua estréia como líder, denominada “2001 Space Concert”, foi realizada no Madison Square Garden, em Nova York em 1973.

Após sete anos de excursão mundial, que incluiu Austrália, Japão, Canadá, América do Sul e Europa, mais oito de excursões costa-a-costa nos Estados Unidos, Deodato decidiu voltar a se concentrar no trabalho de estúdio.

Ao lado de álbuns solo de grande sucesso para as gravadoras CTI, MCA, Warner e Atlantic, seu trabalho como produtor e arranjador lhe trouxe vários sucessos. Uma de suas primeiras produções foi o single pop “Celebration”, do Kool & The Gang. Seguiu-se o sucesso na produção e aranjo para Earth, Wind & Fire, Michael Franks, Gwen Guthrie, Chuck Mangione, Breakfast Club, The Dazz Band, One Way, Con-Funk-Shun, Kleeer, Pretty Poison, Kevin Rowland (Dexy’s Midnight Runners), White Lion and Brenda K. Starr, para quem produziu o hit pop “I Still Believe” em 1987. Deodato também obteve discos de platina com os álbuns “Ladies’ Night”, “Something Special” e “As One”, do Kool & The Gang.

Continua em :

http://pt.wikipedia.org/wiki/Eumir_Deodato

Site Oficial do Genio:

http://www.eumirdeodato.com

Prelude -1972

Track listing

All songs written by Eumir Deodato, except where noted.

CD

  1. Also Sprach Zarathustra” * (Richard Strauss, arranged and adapted by Eumir Deodato) – 9:01
  2. “Spirit of Summer” – 4:14
  3. “Carly & Carole” – 3:41
  4. Baubles, Bangles and Beads” (Robert WrightGeorge Forrest) – 5:20
  5. Prelude to the Afternoon of a Faun” * (Claude Debussy, arranged and adapted by Eumir Deodato) – 5:13
  6. “September 13” (Billy Cobham, Eumir Deodato) – 5:56

* Listed as “Also Sprach Zarathustra (2001)” and “Prelude to Afternoon of a Faun” (no “the”) on the original LP.

Personnel

Plus Strings & Horns

Production

  • Producer: Creed Taylor
  • Arranged and conducted by Eumir Deodato
  • Engineer: Rudy Van Gelder
  • Recorded at Van Gelder Studios

Download:

 

 

https://mega.nz/#!chADSKJJ!bwuHEBoUXbPXFTHE1QrTdzvt8k_QRtp6LgbIsIFxIyk

 

 

Aqui uma apresentação ao vivo na Tv Cultura do maestro e uma orquestra e instrumentos elétricos tocando a sua clássica versão do tema de 2001 – Uma Odisseia no Espaço do Stanley Kubrick.

Deodato 2 – 1973

CD

The tracks were rearranged for the CD release. The two tracks on Side 2 were placed first then the tracks on Side 1 were placed after. The CD release also featured 3 bonus tracks.

  1. “Super Strut” – 8:58
  2. Rhapsody in Blue” – 8:48
  3. Nights in White Satin” – 6:01
  4. Pavane for a Dead Princess” – 4:08
  5. “Skyscrapers” – 6:40

Bonus Tracks

  1. “Latin Flute” (Eumir Deodato) – 4:49
  2. “Venus” (Eumir Deodato) – 3:32
  3. Do It Again” (Walter BeckerDonald Fagen) – 5:31

Members:
Bass – John Giulino , Stanley Clarke
Drums – Billy Cobham , Rick Marotta
Flute – Hubert Laws
Guitar – John Tropea
Keyboards, Arranged By, Conductor – Eumir Deodato
Percussion, Congas – Gilmore Degap , Rubens Bassini

 

 

Download:

 

 

https://mega.nz/#!lphH2TQK!CGoT5sZJUoPajXrUE8c4oWSSfTvYY8h_GLGe5WuO71I

 

 

 

Enjoy

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s