Tom Zé – 1970

Segundo disco do mestre da experimentação, lançado em 1970 pela RGE.

Tom Zé – Antonio José Santana Martins,compositor, cantor, performer, arranjador, escritor, nasceu em Irará, Bahia, em 11 de outubro de 1936. Tom zé 1970

O disco contém o seguinte texto na contracapa

Cquote1.svg As melhores ideias deste disco, devem ser divididas com os meus alunos de composição da SOFISTI-BALACOBACO (muito som e pouco papo) e com Augusto de Campos. Foi, por exemplo, um exercício proposto a Ricardo Silva e Ciumara Catto (Limeira-SP) o ponto de partida que nos levou a “Guindaste a Rigor”. Elio Manoel e Aderson Benvindo (parceiro em: Lá vem a onda”) que trabalharam quase com febre; Beto Matarazzo e Durval do “SESC”, que têm um senso crítico muito agudo; João Araújo, Lais Marques e Valdez, parceiros em “Distância” e “Jimmy Renda-se”; todos ajudaram muito. Aproveito a ocasião para informar que a Prefeitura de São Paulo não me pagou até agora o prêmio do 1o. lugar (São Paulo, meu Amor) do Festival da Record de 1968 e até começou a dizer que não assumiu esta obrigação.

Faixas

Lado A
  1. Lá Vem a Onda (Tom Zé – Anderson Benvindo)
  2. Guindaste a Rigor (Tom Zé)
  3. Distância (Tom Zé – João Araújo – Laís Marques)
  4. Dulcinéia Popular Brasileira (Tom Zé)
  5. Qualquer Bobagem (Tom Zé – Mutantes)
  6. O Riso e a Faca (Tom Zé)
Lado B
  1. Jimmy, Renda-se (Tom Zé – Valdez)
  2. Me Dá, Me Dê, Me Diz (Tom Zé)
  3. Passageiro (Tom Zé)
  4. Escolinha de Robô (Tom Zé)
  5. Jeitinho Dela (Tom Zé)
  6. A Gravata (Tom Zé)

Faixas Bônus que saíram em compacto na época:

  • Você Gosta? (Tom Zé – Hermes Aquino)1969
  • Feitiço – 1969
  • Arranjo: Severino Filho
  • Irene (Caetano Veloso) 1970
  • Arranjos: Rogério Duprat Músicos lado : Lanny (guitarra); Duprat (piano preparado com borrachas entre as cordas); Norival (bateria); Cláudio (contrabaixo); Guilherme Franco (percussão).

Ficha Técnica Direção da Produção: João Araújo Coordenação: Shapiro Arranjos : Chiquinho de Morais , Hector  Lagnafietta e Capacete Estúdio: Gazeta – S. Paulo Layout : Nicolau Participação vocal de Baby Consuelo em “Jeitinho Dela” Contracapa tom zé

Meu disco favorito do genial Tom Zé, um disco ainda com clima tropicalista, cheio de letras irônicas e mistura de ritmos que vão do samba canção ao rock e ao funk, passando pelo erudito de vanguarda e pelo baião.

Arranjos dos maestros Chiquinho de Moraes e Hector Lagnafietta além do baixista Capacete. Tem participação dos Novos Baianos nos vocais da faixa Jeitinho dela (destacando Baby Consuelo).

Nas faixas bônus de compactos de 1969 e 1970 temos as faixas Feitiço e Você gosta que acredito que ele esteja companhado da banda Os Brazões pois a faixa feitiço que foi gravada também por eles no seu LP da 1969 tem a mesma sonoridade de guitarra e arranjo. Já na faixa Irene de Caetano Veloso temos Rogério Duprat no arranjo e piano preparado e mais o mitológico Lanny Gordin na guitarra com a cozinha da banda paulistana Os Beatniks.

Download:

https://mega.co.nz/#!YtgBjCjZ!0VBNgWEaZAuqGNOFm0ENJaBO5yAFFPS8Vm4gPSrAXjk

Fiquem com Escolinha de Robo uma das minhas preferidas do mestre e sua letra mito atual.

Todo mundo pronto pra começar
Cada qual por ordem no seu lugar
A corrente é 110
Vamos ligar
E já vai 1 e 2 e 3 e 1 e 2 e 3 e 1 e2 e 3 e já
Ao sentar-se dobre a perna pelo joelho
E se alguém lhe falar
É desgraça que vai, é desgraça que vem
Ha, ha, ha, queira sorrir, é permitido
Faça alguma orações por dia
Depois mande a consciência junto com os lençóis pra lavanderia
Ao sorri abra os lábios docemente
E se alguém te falar, da desgraça
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s